quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

O amor pede passagem (Managment, EUA, 2009).

Entrei na sala de cinema achando que veria uma comédia romântica e saí surpresa, já que o filme não é exatamente uma comédia e, apesar do título, não faz do amor o tema central da história. “O amor pede passagem” fala, mesmo que superficialmente, da necessidade de se buscar um sentido para a vida, coisa que fazemos quase sempre.






O filme (veja aqui o trailler) conta a história de Mike (Steve Zahn), o gerente noturno do motel da família, localizado no interior do Texas. A rotina dele não é o que se possa chamar de interessante, já que ele divide seu tempo entre cuidar dos quartos do negócio da família, limpar a piscina e aulas de ioga. É o típico adulto que permaneceu apegado à família mais por acomodação que por escolha e que leva uma vida sem perspectivas. Mas, a vida dele mudar quando conhece Sue (Jennifer Aniston), uma executiva que se hospeda por duas noites no hotel de beira de estrada. Ele se apaixona por ela, e como um adolescente, tenta a todo custo se fazer notar e conquistá-la. Sue acaba ficando com ele, acho que mais por pena que por vontade, e vai embora logo em seguida. Mike, que a este ponto já está amando Sue, resolve atravessar os EUA para ficar com ela.


A verdade é que os dois têm uma vida completamente diferente, só que Mike não percebe isso. Sue é uma adulta independente. Solitária, mas independente. O extremo oposto de Mike. São as tentativas de aproximação desse casal improvável que tornam o filme divertido e que provoca mudanças importantes na vida dos dois personagens.


O filme está longe de ser uma obra-prima do cinema, mas serve como distração. Destaque para a atuação de Steve Zahn, que convence no papel do atrapalhado Mike. As caras de carente desnorteado que ele faz são impagáveis e as cenas em que seu comportamento inocente e sem noção quase mata Sue de vergonha também deixa o espectador constrangido na poltrona do cinema. Repare bem na carinha de cachorro perdido da mudança do cartaz do filme. 










Jeniffer Aniston está linda, com os cabelos mais curtos e escurecidos. Mas é incrível como ela ainda parece estar interpretando a Rachel de Friends.


Ficha Técnica
Gênero: Comédia Romântica (segundo www.adorocinema.com)
Direção: Stephen Belber
Roteiro: Stephen Belber
Atores: Jennifer Aniston, Steve Zahn, Margo Martindale, Fred Ward, James Hiroyuki Liao.
Duração: 94 min.
Site oficial: www.managementfilm.com

Um comentário:

Débora disse...

Adorei este filme tb... beijos